Gazeta de Alagoas
Pesquise na Gazeta
Maceió,
Nº 0
Caderno B

Confira os destaques da política alagoana #FN02072021

.

Por FATOS & NOTÍCIAS | Edição do dia 02/07/2021

Matéria atualizada em 01/07/2021 às 22h01

O imbróglio da venda do Polo Alagoas pela Petrobras por US$ 300 milhões, ou R$ 1,5 bilhão para a Petromais Global Exploração e Produção S/A, é apenas o começo de algumas dificuldades que terá que enfrentar a partir de agora.

No ambiente de trabalho do Polo Alagoas, mais precisamente na Unidade de Gás do Pilar, o momento é de muita expectativa e existe uma pré-disposição de ser dificultada as informações necessárias para a compradora no âmbito técnico-administrativo. Pelo visto, embora necessite sua aprovação pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombusíveis (ANP), muita água ainda vai rolar por baixo da ponte.


INSATISFAÇÃO

Muito embora o projeto do AL Previdência tenha sido aprovado ontem na Assembleia Legislativa como já era esperado, o complemento para devolução dos valores já retidos por aposentados e pensionistas foi vetado pelo governo. A medida, que atingiu pelo menos 34 mil servidores inativos, foi um balde de água fria nas pretensões dos trabalhadores que vinham sendo prejudicados havia mais de um ano.


DISSIDÊNCIA

Mesmo que tenha assegurado a decisão do governo em não devolver nada para os 34 mil servidores inativos, o Palácio República dos Palmares sentiu que existe alguma dissidência na sua bancada. A reação de alguns deputados demonstra que o assunto ainda vai dar muito que falar nas futuras sessões da Assembleia.


REFLEXO

Alguns segmentos do governo, a exemplo da Polícia Militar, não ficaram nada satisfeitos em serem alijados do processo do AL Previdência, e isso deve se tornar um rolo compressor das associações que esperam um tratamento igual e justo para as forças estaduais.


REAÇÃO

Inconformados com a decisão do governo de não devolver o que foi retirado injustamente durante mais de um ano dos aposentados e pensionistas pelo AL Previdência, o assunto passou a se tornar um problema político que terá reflexos lá na frente. Pelo menos é o que dizem internautas na abordagem do assunto.


NO SUPREMO

A BRK Ambiental já definiu que irá pela segunda vez fazer mais um rapasse de R$ 2 bilhões ao Estado a título da compra da outorga da Casal, mas uma ação para impedir esse repasse já foi intentada pelo PSB no Supremo Tribunal Federal.


BLOQUEIO

A intenção é de que os recursos a serem repassados ao estado sejam bloqueados até uma decisão final do Supremo Tribunal, cujo processo já está nas mãos do ministro Edson Fachin.


CAMINHO ABERTO

A reação, que não deve ser somente da prefeitura de Maceió pode causar mais problemas para o adquirente da Casal. Como quem paga mal, paga duas vezes, a BRK Ambiental certamente também deverá ser importunada por outros municípios que fazem parte da região metropolitana de Maceió, que também, por justiça, exigem o que é de direito.


VACINAÇÃO

O ônibus da vacina estará, nesta sexta-feira (2), no estacionamento do Mercado do Artesanato, que fica no Mercado da Produção, no bairro Levada, localizado na parte baixa da capital. A unidade móvel está vacinando pessoas com 40 anos e sem comorbidade, além dos remanescentes das etapas anteriores, das 9h às 16h. As doses são limitadas e são aplicadas após entrega de fichas. Até o momento, de acordo com a Prefeitura de Maceió, mais de seis mil doses já foram aplicadas no ônibus da vacina.


COVID

A atualização do Ministério da Saúde sobre a pandemia de trouxe 2.029 óbitos registrados em 24 horas. Com isso, o número de vidas perdidas alcançou 520.095. » Maceió vacinou contra a Influenza cerca de 91 mil pessoas que pertencem aos públicos-alvos, segundo os dados divulgados nesta quinta-feira (1º), pela Prefeitura de Maceió. » Somente as Unidades de Saúde de Maceió que estão exclusivas para a vacinação contra a Covid-19 não aplicarão a vacina contra a Influenza. » Já estão em Alagoas as 15.210 doses do imunizante da Pfizer enviados ao estado pelo Ministério da Saúde. » Elas chegaram nesta quinta-feira (1º) e completam o lote de 40.960 doses de vacinas contra a Covid-19 enviadas somente esta semana ao Estado.

Mais matérias desta edição