Gazeta de Alagoas
Pesquise na Gazeta
Maceió,
Nº 0
Cidades

14% DOS IDOSOS ACIMA DE 80 ANOS AINDA NÃO TOMARAM A 2ª DOSE

Em Alagoas, 14% dos idosos com idade acima de 80 anos ainda não tomaram a segunda dose da vacina contra a Covid-19, conforme levantamento divulgado nesta terça-feira (20), pela Superintendência em Vigilância de Saúde da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa

Por Livia Tenório | Edição do dia 21/07/2021

Matéria atualizada em 20/07/2021 às 22h29

Maceió, 18 de março de 2021
Vacinação de idosos no Papódromo no bairro do Vergel do Lago, em Maceió. Alagoas - Brasil.
Foto:@Ailton Cruz
Maceió, 18 de março de 2021 Vacinação de idosos no Papódromo no bairro do Vergel do Lago, em Maceió. Alagoas - Brasil. Foto:@Ailton Cruz | @Ailton Cruz

Em Alagoas, 14% dos idosos com idade acima de 80 anos ainda não tomaram a segunda dose da vacina contra a Covid-19, conforme levantamento divulgado nesta terça-feira (20), pela Superintendência em Vigilância de Saúde da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau). A evasão desse público tem preocupado as autoridades sanitárias, tendo em vista que apenas com a segunda dose é que o esquema vacinal fica completo.

Por meio da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), o Governo Federal publicou artigo no último dia 13 de julho, alertando que quem não completa o esquema vacinal fica mais vulnerável à infecção pelo novo coronavírus do que quem recebeu as duas doses. “Além de se expor ao risco de ser contaminado e adoecer, esse indivíduo não ajuda a controlar a circulação do vírus. E tem mais: a vacinação incompleta pode criar um ambiente propício para o surgimento de versões ainda mais resistentes do coronavírus”, diz o comunicado.

As quedas sucessivas na taxa de ocupação de leitos de UTI em Alagoas – 54% na última segunda-feira (19) – comprovam a eficácia da imunização. Dados da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) registram redução de 42% nas internações de pacientes acima de 60 anos entre os meses de março e junho.

“Somente com a segunda dose é que estamos com o esquema completo e que se espera imunidade por parte do organismo”, aponta Herbert Charles Barros, superintendente de Vigilância em Saúde da Sesau.

SPUTNIK

Alagoas, assim como outros estados do Nordeste devem receber, em uma semana, as primeiras doses da vacina Sputnik V. O lote com 1,1 milhão de doses será aplicado em algumas regiões com restrições e controle epidemiológico. Não há informações, no entanto, de quantas doses do imunizante serão enviadas para o estado nessa remessa. A remessa será distribuída da capital pernambucana para os demais estados do Consórcio Nordeste: Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe, autorizados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Um outro lote, com aproximadamente 600 mil doses, será encaminhado para estados do Norte, ainda sem prazo determinado para chegar. Na prática, a Sputnik V será incorporada à imunização desses estados de maneira controlada, com estudo de sua segurança e eficácia. A avaliação de efetividade — que é o quanto a vacina protege para desdobramentos do coronavírus — ficará a cargo do infectologista Julio Croda, do grupo Vebra Covid-19. Com uma quantidade equivalente a 1% da população de cada estado, a entrada da Sputnik V não será capaz de acelerar substancialmente os processos de imunização locais. Mas a experiência, inédita no país, possibilitará a cada estado escolher a forma de uso da vacinação com o imunizante russo.

JANSSEN

Alagoas já aplicou 49,055 doses da vacina Janssen, segundo dados do Boletim de Imunização, que foi divulgado nesta terça-feira (20), pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesau). O estado já aplicou 1.659.094doses das vacinas contra a Covid-19. A vacina confere imunização completa apenas com uma única dose. Até o momento, 1.188.482 alagoanos foram imunizados com a primeira dose, enquanto 470.612 receberam a segunda dose ou dose única.

O Ministério da Saúde (MS) já enviou para Alagoas 2.239.780 doses das vacinas CoronaVac, AstraZeneca, Pfizer e Janssen. Delas, 1.765.784 doses de vacinas foram distribuídas para os 102 municípios.

Desde janeiro, quando iniciou a Campanha Estadual de Vacinação em Alagoas, 593.521 doses da CoronaVac, 802.319 doses da AstraZeneca, 214.199 dos imunizantes da Pfizer e 49.055 da Janssen foram aplicadas.

Maceió, 18 de março de 2021
Vacinação de idosos no Papódromo no bairro do Vergel do Lago, em Maceió. Alagoas - Brasil.
Foto:@Ailton Cruz

Mais matérias desta edição