Gazeta de Alagoas
Pesquise na Gazeta
Maceió,
Nº 0
POP

RESTAURANTE POPULAR REABRE PRAÇA DE ALIMENTAÇÃO

Pelo valor de R$ 3,00, qualquer pessoa pode ter acesso a uma boa comida e conta com acompanhamento nutricional

Por Jamylle Bezerra | Edição do dia 08/04/2021

Matéria atualizada em 07/04/2021 às 20h14

Fichas para as refeições são vendidas das 10h às 13h30, diz administração do restaurante
Fichas para as refeições são vendidas das 10h às 13h30, diz administração do restaurante | Secom Maceió

Com 50% da capacidade e permanecendo no sistema pague e leve, como medida protetiva contra a Covid-19, o Restaurante Popular de Maceió voltou a receber clientes na praça de alimentação nessa quarta-feira (7). De acordo com o administrador do Restaurante Popular, Carlos Eugênio Cerqueira, os usuários do Restaurante poderão fazer suas refeições no local, respeitando todas as normas de distanciamento social e de prevenção contra o coronavírus.

“O sistema pague e leve continuará com dois pontos de atendimentos, na frente e nos fundos do restaurante para evitar aglomeração”, explicou.

Pelo valor de R$ 3,00, qualquer pessoa pode ter acesso a uma boa comida, que conta com acompanhamento nutricional e um cardápio variado, suco e sobremesa. As fichas para as refeições são vendidas das 10h às 13h30.

Para o secretário municipal de Assistência Social, Carlos Jorge da Silva, a reabertura da praça de alimentação do restaurante é mais uma opção para a população.

“Quem quiser pode consumir o almoço no restaurante, ou poderá levar para casa ou trabalho. É muito importante que o Restaurante Popular continue funcionando nesse período de pandemia, porque atende a população que mais precisa. É uma comida balanceada, de baixo custo e que atende as necessidades nutricionais de cada um”, ressaltou Carlos Jorge. O Restaurante Popular de Maceió está localizado na Rua Barão de Alagoas, no Centro e é mantido por meio de um convênio entre a Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) e a empresa Maria de Jesus Cerqueira e CIA Ltda, que é a administradora do local.

Mais matérias desta edição