Gazeta de Alagoas
Pesquise na Gazeta
Maceió,
Nº 0
Bom mandante

Em Maceió, CRB tem apenas uma derrota contra o Coxa

Às vésperas do 12º jogo da história, Regatas tentará manter bom histórico contra os alviverdes

Por Guilherme Magalhães | Edição do dia 23/10/2021

Matéria atualizada em 22/10/2021 às 16h57

Galo da Praia e Coxa-Branca tem se encontrado com certa frequência no Brasileirão da Série B
Galo da Praia e Coxa-Branca tem se encontrado com certa frequência no Brasileirão da Série B | Albari Rosa/UmDois Esportes

Nesta terça (26), o CRB enfrentará o Coritiba pela 32ª rodada da Série B. O jogo estará valendo muito, tanto para os alagoanos, quanto para os paranaenses. Para o Galo, algo importante deve ser levado em consideração: no histórico dos confrontos, perdeu apenas uma vez para o Coxa, jogando em Maceió.

E isso foi logo no primeiro encontro, no Campeonato Brasileiro de 1972. Ironicamente, hoje, as equipes brigam para retornar à elite do futebol brasileiro. O duelo ocorreu no dia 22 de novembro de 1972 e foi a maior vitória coxa-branca no confronto: 3 a 0. Mas de lá pra cá, o Coxa nunca mais venceu o CRB jogando em Alagoas.

Somaram-se 49 anos e outras quatro partidas jogando em Maceió. No total, dois empates e duas vitórias do Galo. O último desses foi na Série B de 2019, quando o time regatiano venceu por 1 a 0. Naquele embate, o principal destaque foi Léo Ceará, que fez o gol. Além disso, alguns atletas relacionados para aquele jogo ainda seguem no Regatas, como o volante Claudinei e o zagueiro Ewerton Páscoa. No Coxa, os goleiros Wilson e Muralha, e o volante Matheus Sales são os únicos que seguem vestindo verde e branco.

Além do bom retrospecto como mandante, o Galo ainda impôs um tabu recente para o Verdão. São quatro jogos sem vitórias em confrontos diretos, sendo a última delas na temporada 2018. Nos últimos quatro encontros, foram dois triunfos do CRB e dois empates.

O único número a favor do Coritiba é justamente dos confrontos gerais. Apesar de poucos jogos, o time paranaense ainda nutre uma vantagem no retrospecto. São 11 encontros, com cinco vitórias do Coxa, três empates e três vitórias regatianas. Sendo que dessas três vitórias, duas foram nos últimos três anos.

No 1º turno, Coxa e Galo empataram no Couto Pereira, por 1 a 1. Na ocasião, ambos brigavam pela liderança da Série B. Agora, o reencontro marca um novo duelo de seis pontos, podendo colocar o CRB no G-4 ou o Coritiba muito próximo do acesso. Segundo o site Infobola, as duas equipes têm boas chances de acesso: o Coxa soma 97% e o Regatas tem 34%.

* Sob supervisão da editoria de Esportes.

Mais matérias desta edição