Gazeta de Alagoas
Pesquise na Gazeta
Maceió,
Nº 0
Imobiliário

Setor da construção comemora mudanças no MDR

.

Por Redação | Edição do dia 08/02/2020

Matéria atualizada em 07/02/2020 às 22h02

Rogério Marinho, novo ministro do Desenvolvimento Regional, assume com desafio de reativar o setor da construção
Rogério Marinho, novo ministro do Desenvolvimento Regional, assume com desafio de reativar o setor da construção - Foto: Edu Andrade/Ministério da Economia
 

O presidente Jair Bolsonaro exonerou na última quinta-feira Gustavo Canuto do comando do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR). Para o seu lugar, foi nomeado Rogério Marinho, que ocupava a Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia. As mudanças foram publicadas em edição extra do Diário Oficial da União (DOU).

O MDR coordena os programas de habitação popular, como Minha Casa, Minha Vida (MCMV), de infraestrutura urbana e de segurança hídrica do governo federal.

Para o presidente da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), José Carlos Martins, a nomeação de Marinho é bem recebida pelo setor. “O ministro Rogério Marinho já demonstrou sua habilidade, seriedade e competência na condução da gestão pública.  É um nome incontestável para comandar este Ministério tão importante”, afirmou.

Ex-deputado federal, Marinho é filiado ao PSDB e foi um dos principais articuladores do governo na aprovação da reforma da Previdência. Ele já confidenciou que pretende reativar a construção civil para a criação de novos empregos, especialmente no Nordeste. Para isso, pretende anunciar “um grande e novo programa” de habitação popular.

O ex-ministro do MDR Gustavo Canuto vai assumir a presidência da Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência (DataPrev).

Mais matérias desta edição