Gazeta de Alagoas
Pesquise na Gazeta
Maceió,
Nº 0
Maré

HISTÓRIAS DE FAMÍLIA

Fotógrafa lança “álbum da quarentena” e dá dicas para que as famílias registrem as vivências na pandemia para a posteridade

Por MAYLSON HONORATO | Edição do dia 01/08/2020

Matéria atualizada em 29/07/2020 às 21h59

Quando a pandemia do novo coronavírus for somente uma memória de um mal que já passou, lembrar desses dias de isolamento, hiper convivência e redescoberta do mundo será um momento solene. Quando esse dia chegar, ter um registro contundente de um cotidiano novo e surpreendente, que está ocorrendo dentro dos lares, será como visitar a história das famílias, a história dos nossos dias, do que nos levou àquele futuro.

Para a fotógrafa Elysée Nyland, especialista em artes, fotografia de partos, bebês, gestantes e fotografia documental de família, as fotografias têm um papel muito importante neste momento: o de guardar essas vivências da pandemia para a posteridade. Pensando nisso, ela criou um álbum artesanal planejado para salvaguardar com afeto as memórias dos “dias em que a terra parou”.

O álbum especial da quarentena, anunciado por Elysée nas redes sociais, é um produto com 30 páginas, com uma gravação a laser do planeta Terra na capa dura. Dentro do livro, espaços para colar fotografias, desenhar e escrever a história da família neste período.

“É um momento delicado que estamos vivendo, cada um dentro dessa casa, com a sua família, vivencia coisas muito diferentes. Por isso, a ideia é que a família possa construir esse albinho. A mãe ou o pai pode escrever, a criança pode desenhar, além das fotos. É algo para ser construído por várias mãos, para que a experiência que estamos vivendo possa ser contada depois, materializada, documentada através desse livro fotográfico”, explica Elysée.

Jornalista e especialista em artes e educação, Elysée Nyland fotografa há 12 anos. Ela conta que vive intensamente os mundos materno e infantil, pelos quais se diz apaixonada. Quando começou o distanciamento social e a atuação dos fotógrafos nos hospitais foi limitada, ela resolveu pesquisar alternativas para criar experiências para as famílias, principalmente para aquelas que acabaram de ganhar novos membros.

“A fotografia é uma criadora de laços, um instrumento de construção de vínculos que fortalece essas relações familiares. Nesse momento, que tivemos de adiar sessões fotográficas, muitas famílias se viram perdidas também, porque queriam registrar os nascimentos, os momentos. Então me dediquei a dar dicas nas redes sociais, ensinando as pessoas a usarem um pouco mais a luz natural e fotografarem dentro de casa”, conta.

Outra dica da fotógrafa é direcionada à importância de transformar registros familiares em algo físico, imprimindo fotos em vez de guardá-las somente na internet ou em HDs.

“As pessoas podem documentar esse momento histórico em casa, do celular mesmo, para as próximas gerações. Afinal, teremos que contar essa história para nossos netinhos. E que lindo se estiver materializado, poder pegar e mostrar. Se não quiser o álbum, podem imprimir as fotos e guardar numa caixinha, como faziam nossas avós. Hoje a gente pode fazer algo mais elaborado, mas o mais importante é guardar esses momentos da família”, diz.

ÁLBUM DA QUARENTENA

Feito de maneira artesanal, o álbum que a fotógrafa planejou demora um pouco para ficar pronto e deve ser encomendado. Os primeiros compradores estarão recebendo os exemplares nos próximos dias. O tamanho do álbum é 15x15, espaço suficiente para colar, desenhar, escrever e guardar com facilidade.

“Infelizmente nós estamos vivendo esse momento, mas a gente pode fazer dele algo interessante para refletir sobre as nossas vidas, sobre as nossas atitudes, sobre o que nós estamos fazendo com o nosso planeta. O álbum também poderá servir para registrar tudo isso de dentro do lar”, diz.

“Muitas pessoas adquiriram com bastante empolgação. Eu acredito que fará muitas pessoas felizes. Eu mesmo estou aguardando o nosso, que está para chegar junto dos demais”, completa Elysée.

Para adquirir o álbum, basta entrar em contato com a fotógrafa pelo WhatsApp (82) 98233-8300; pelo e-mail: contato@elysee.com.br; ou pelo Instagram: @elyseefotografia.


DIVULGAÇÃO

Elysée Nyland é especialista em fotografia de família
DIVULGAÇÃO Elysée Nyland é especialista em fotografia de família - Foto: Felipe Nyland
 


Mais matérias desta edição