Gazeta de Alagoas
Pesquise na Gazeta
Maceió,
Nº 0
Maré

UM PROGRAMA QUE É UM ABRAÇO

Estreia da TV Mar, ‘Sempre com Você’ trará Lis Nunes e convidados falando sobre o melhor da vida, maternidade, saúde e gastronomia

Por MAYLSON HONORATO EDITOR DA REVISTA MARÉ | Edição do dia 07/05/2022

Matéria atualizada em 05/05/2022 às 00h26

Com calorosas boas-vindas, Lis Nunes abre as portas da sua casa para receber convidados especiais e os telespectadores do mais novo programa da TV Mar, o ‘Sempre com Você’, que estreia nesta terça-feira (10), às 15h30, no canal 525 da NET/Claro. Com boas histórias para contar e delícias gastronômicas para explorar, a jornalista afirma que a novidade quer ser um abraço semanal nos alagoanos, se possível, “um abraço de mãe”.

Com mais de 12 anos de atuação, a apresentadora passou por veículos de comunicação, assessorias de imprensa e, mais recentemente, tornou pública a sua rotina materna nas redes sociais, onde acumula milhares de seguidores e construiu uma sólida comunidade de pessoas interessadas no melhor da vida - mas na vida real, sem filtros.

“A ideia do programa vem do desejo de explorar o que eu já transmito nas redes sociais. A pandemia me proporcionou fazer lives com muitas pessoas e percebi que a entrevista me cativa, descobrir as histórias, contá-las, mostrar que por trás de grandes coisas, de grandes marcas, há pessoas, é algo que me interessa muito. Em especial, falar sobre a vida de outras mulheres que têm uma rotina de mãe, de empreendedora, de realizadora”, conta Lis.

O ‘Sempre com Você’ vai ao ar todas às terças-feiras, sempre às 15h30, e, além do canal 525 da NET/Claro, poderá ser acompanhado pela internet, por meio do portal Gazetaweb.com; pelas redes sociais da TV Mar, incluindo o YouTube; e também pelo aplicativo da TV Mar, disponível para Android e IOS.

Serão 60 minutos de uma boa conversa e, ainda, de receitas deliciosas para fazer em casa e dividir com a família. Para Lis Nunes, unir conversa e comida combina com a proposta que ela imaginou para a sua estreia na TV: “Trazer o telespectador para dentro de casa. A conversa é na sala e as receitas na cozinha, dois locais que nos levam a tantas memórias afetivas com a família, principalmente quando falamos das nossas mães”, diz.

A apresentadora conversou com a Revista Maré e revelou detalhes do ‘Sempre com Você’, além de compartilhar um pouco das suas vivências como uma “mãe real” no Instagram (@lisnunes), onde ela dribla o conteúdo artificial da rede para se comunicar com outras mulheres que sentem na pele as delícias e as dores da maternidade.

Por que ‘Sempre com Você’, de onde veio o nome do programa e o que ele representa?

Eu venho de três anos dedicados exclusivamente ao meu filho, Otto, depois de circular pelos universos da comunicação, do jornalismo, das redes sociais... Nesse período, o meu compartilhamento diário da maternidade fez com que acendesse um botãozinho de conexão entre as pessoas e a minha vida, porque comecei a explorar pautas como a saúde da mulher, estilo de vida saudável, e a maternidade de um jeito real, sem esconder as nossas angústias, até porque era aquilo mesmo que eu vivia. Volto como apresentadora, algo que eu não esperava, mas percebi que eu nunca saí de verdade, eu estive sempre com aqueles que estiveram comigo nesses doze anos de profissão, a gente nunca se deixou, o público nunca me deixou. E continuaremos juntos no ‘Sempre com Você’, em todas as plataformas e redes.

E quais as diferenças do conteúdo que você explora nas redes, para os que poderemos ver no programa?

Nas redes é tudo bem rapidinho, né? A ideia é explorar o que eu já transmito, mas ampliar as conversas. Mas uma conversa boa, entende? Coisas que eu já faço nas redes, com as receitas, algo que surgiu na pandemia, quando eu precisava me ocupar, serão mostradas em detalhes na TV. O convidado vai cozinhar comigo, vai conversar também, tudo isso com notícias, com informação.

Nas suas redes você fala sobre estilo de vida saudável e real. O que seria isso pra você? Veremos um pouco desse pensamento no programa?

Com certeza. Um estilo de vida saudável é viver uma vida real. Estamos cansados de ver vidas fakes, perfeitas. O meu dia a dia mostra as dores, que são minhas, mas que as pessoas ao meu redor também sentem. Muitas vezes meu marido estava preso no escritório, eu sozinha em casa com meu filho, precisando cozinhar, e compartilhava isso. Milhares de mães no outro lado estavam passando pela mesma coisa, fazendo os mesmo malabarismos. E assim, nesse encontro, elas viram que não precisavam se sentir culpadas por não dar conta ou pela angústia. São coisas que fazem parte da nossa vida e podem ser tratadas com leveza.

E na estreia, o que podemos esperar?

O primeiro programa é uma celebração de nascimento. Até porque está nascendo um novo filho pra mim, que é o ‘Sempre com Você. Entramos no ar dois dias depois do Dia das Mães e não poderíamos deixar de explorar esse universo. Então, vamos conversar com a Mariana Tenório, uma grávida com 21 semanas de gestação, que sonhou muito com a chegada do seu filho, o José. Falaremos desse momento da gestação, de como é gestar. Eu vivi, mas eu quero ouvir outra pessoa falando.

Além da Mariana, teremos a médica ginecologista obstetra Robertta Lins. Porque o primeiro contato de uma mulher grávida é com o médico obstetra. Antes e depois do bebê nascer. É um relacionamento de afeto, carinho, um cuidado com a criança e com a mãe. Vamos falar sobre isso.

Uma das coisas que fez com que eu tivesse uma gravidez incrível foi a gestação ativa. E, fazendo esse link com as minhas experiências, vamos receber a fisioterapeuta especialista em saúde da mulher, Damy Alves.

E por último, mas não menos importante, receberemos a Sandy Farias, da Le Brulê. Vamos para a cozinha com ela para preparar um prato que ela faz semanalmente com as filhas. Então, é um prato com história e memória afetiva, além de delicioso.

Diante disso tudo, qual o convite do ‘Sempre com Você’ para o público?

Um abraço materno. Não só na estreia, que celebra o Dia das Mães, mas o projeto inteiro é um abraço. Falo muito de maternidade porque existe uma Lis antes e depois da maternidade. E também porque é um programa feito para as famílias. O Otto vai aparecer eventualmente, meu marido também. Quero que o telespectador chegue e se sinta em casa, pois é um programa para que a gente possa se abraçar, se acolher, trocar boas ideias. Neste momento, acho que todo mundo quer sentir acolhimento, começaremos no sofá, terminaremos na cozinha, como acontece na nossa casa.

Mais matérias desta edição