Gazeta de Alagoas
Pesquise na Gazeta
Maceió,
Nº 4227
Corrupção

OPERAÇÕES DA PF ENCURRALAM RENAN FILHO

.

Por Da Redação | Edição do dia 09/11/2019

Matéria atualizada em 09/11/2019 às 05h52

OPERAÇÃO SUCUPIRA: desencadeada em 2017, investigou esquema que envolvia a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), o Instituto de Tecnologia em Informática e Informação de Alagoas (Itec), a Agência Reguladora de Serviços de Alagoas (Arsal) e a Agência de Modernização da Gestão de Processos (Amgesp)

OPERAÇÃO CASMURROS: deflagrada pelo Ministério Público Federal e Polícia Federal em setembro último, levou à cadeia servidores comissionados da Secretaria da Educação, pasta controlada pelo secretário e vice-governador Luciano Barbosa (MDB), e também o diretor-presidente da Amgesp, Wagner Morais, amigo pessoal do governador e que o acompanha desde a época em que ele era prefeito de Murici

OPERAÇÃO CORRELATOS: deflagrada em 2017, teve por objetivo investigar desvio de recursos na Sesau e que poderia ter movimentado R$ 237 milhões em compras fracionadas de medicamentos

OPERAÇÃO LAVA JATO: investiga o recebimento de R$ 3 milhões em recursos para caixa 2 de campanha de Renan Filho, nas eleições de 2014

Mais matérias desta edição